2016 Rio Olympics - Swimming - Victory Ceremony - Women's 200m Individual Medley Victory Ceremony - Olympic Aquatics Stadium - Rio de Janeiro, Brazil - 09/08/2016. Katinka Hosszu (HUN) of Hungary poses with her gold medal.   REUTERS/Laszlo Balogh FOR EDITORIAL USE ONLY. NOT FOR SALE FOR MARKETING OR ADVERTISING CAMPAIGNS.

4 provas imperdíveis no Mundial de Budapeste

13 de julho de 2017

Blog, Mundial Budapeste 2017Nenhum comentário em 4 provas imperdíveis no Mundial de Budapeste

No dia 23 de julho começam as disputas da natação no Mundial de Budapeste, principal competição do nosso esporte na temporada. A YES SWIM estará presente in loco e estamos preparando a maior e melhor cobertura da história do blog.

Abaixo, listamos quatro provas imperdíveis na competição.

As provas de medley feminino

Katinka Hosszu competirá em casa em busca do tricampeonato Mundial nas provas de 200 e 400 medley. Em Kazan, ela fez uma das provas mais fortes de todos os tempos, batendo o recorde mundial do 200 medley estabelecido na era dos trajes. Vai ser muito bom vê-la competindo com o apoio da torcida para estender sua hegemonia no medley.

Quando
200 medley – finais dia 24/julho
400 medley – finais dia 30/julho

Picture 2

Katie Ledecky e sua invencibilidade

A americana Katie Ledecky ostenta uma marca incrível: ela jamais perdeu uma prova individual nas principais competições internacionais de natação. Dedde as Olimpíadas de Londres, quando foi ouro no 800 livre aos 15 anos, ela ganhou todas as provas que disputou em Mundiais (400, 800 e 1500 livre em Barcelona, 200, 400, 800 e 1500 livre em Kazan) e em Olimpíadas (200, 400 e 800 livre no Rio-2016).

E tudo indica que a invencibilidade vai continuar: ela é líder do ranking mundial em todas as provas e segue muito à frente das demais – a única em que a distância não é tão absurda é no 200 livre. Mas ainda assim ela é favorita, sendo a atual campeã mundial e olímpica. Não dá para perder.

Quando

200 livre – Finais dia 26/julho
400 livre – Finais dia 23/julho
800 livre – Finais dia 29/julho
1500 livre – Finais dia 25/julho

103869590-GettyImages-589474344.530x298

As provas de Adam Peaty

Outro que é invencível em Mundiais e Olimpíadas é Adam Peaty. Embora tenha um histórico menor (disputou “apenas” uma de cada, ganhando dois ouros individuais no Mundial de Kazan e um ouro individual no Rio), sua supremacia no peito também é impressionante. Será que vem mais recorde mundial? Será que alguém vai ameaçar seu reinado? As provas serão imperdíveis ainda pela participação dos brasileiros: tanto Felipe Lima como João Gomes Junior tem totais condições de brigar por medalhas nas duas provas.

Quando
50 peito – Finais dia 26/julho.
100 peito – Finais dia 24/julho

36FDDD1F00000578-3730475-image-a-1_1470698845658

50 livre masculino

A última vez em que Cesar Cielo e Bruno Fratus competiram juntos no 50 livre em uma grande competição internacional foi na Olimpíadas de Londres. Depois disso, Fratus não esteve no Mundial de Barcelona, Cielo não nadou o 50 livre no Mundial de Kazan, não esteve no PAN de Toronto, no Pan Pacific e nem nas Olimpíadas do Rio.

Dessa vez teremos novamente os dois grandes nomes da velocidade brasileira na piscina, ambos vindo de momentos difíceis: Fratus vindo de uma Olimpíada que não saiu como esperado (terminou em 6o sendo que seis meses antes fez tempo que lhe daria o ouro – recomendo essa ótima entrevista do Daniel Takata sobre a superação desse momento), Cielo vindo de uma ausência olímpica. Temos ainda Cameron McEvoy, Caeleb Dressel, Nathan Adrian, Ben Proud, Morozov… tem tudo para ser uma prova e tanto.

Quando
50 livre – Finais dia 29/julho

cesar-cielo-e-bruno-fratus-se-preparam-para-eliminatoria-dos-50m-livre-em-londres-1343900271213_1920x1080

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »