(Ryan Casey/CHSAANow.com)

8 coisas de que os nadadores sentem faltam quando param de nadar

5 de janeiro de 2017

Blog5 comentários em 8 coisas de que os nadadores sentem faltam quando param de nadar

1. O cheiro de cloro

Quando você deixa o esporte há coisas que você sabe que sentirá falta: competição, seus amigos, sua barriga tanquinho. Mas há coisas sobre as quais você não pensa, e o cheiro de cloro é uma delas.

Vai demorar alguns meses, até que você passe perto de uma piscina qualquer e o cheiro de cloro chegue até você, te deixando atordoado e melancólico.

2. As viagens

As viagens de natação da sua juventude serão substituídas tipicamente por viagens para festivais de músicas ou outras viagens aleatórias que você fará com amigos que conheceu depois da natação, mas elas não trarão a mesma sensação de estar longe de casa para uma competição. As viagens de carro para as competições, ouvindo músicas ruins e pensando na prova são memórias que nunca vamos esquecer.

3. Aquele momento em que tudo se junta

As horas e horas que você investiu. Você estava lá de manhã. Longe da família, os Doritos, dos amigos. E você prestou atenção nas séries principais. Você sobe no bloco com a confiança de que está preparado, e a prova que vem depois supera suas expectativas. O momento que você bate na parede, olha no placar, vê o 1 do lado do seu nome, e um tempo melhor do que considerava possível.

É. Esse momento.

maxresdefault

4. A parte ruim.

Sim, os momentos que você odiava. Quando você reclamava de acordar as 4:45 para ir para a piscina exausto por 2 horas. Ou as vezes que o técnico fez todos refazerem a série inteira porque alguém não respirou direito.

Mas mesmo quando você reclamava, você sempre voltava. Você sabia que havia trabalho a ser feito, e mesmo que duro, ele valia a pena.

 

5. Os amigos

Seus amigos da natação são seus melhores amigos. Alguns serão até o fim dos tempos, outros entrarão e sairão da sua vida com os anos. Mas a proximidade que você desenvolve em meses e anos treinando é difícil de replicar no mundo real. Afinal, você e seus colegas estavam inteiramente nisso juntos.

Vocês vivem não apenas as dores juntos, a altitude, as séries de lactato, as semanas insanas de treino, mas também o polimento, o significado, e a realização compartilhada de fazer algo como  um grupo.

6. Pular em uma raia vazia

É difícil descrever aqueles primeiros poucos minutos em que você pula em uma piscina vazia. Um sentimento de distanciamento do mundo real? De estar separado de tudo que está acontecendo na vida? Para muitos nadadores, embora a piscina seja o local de muito trabalho duro e dor, é também seu lugar de felicidade, onde você pode ir para ficar consigo mesmo e longe de tudo que esteja acontecendo fora daquela raia.

7. A animação de uma grande série

Você vai sentir isso na vida depois ainda, mas não vai ser igual. Isso porque a natação vai ser seu primeiro amor ligado a superar seus limites físicos. Ela te mostro que é possível, e puxa suas expectativas e limites para níveis inalcançáveis. Os tempos em que o técnico lança uma série que te deixa sem palavras. Aquelas 50 semanas de reino. Aquele 100×25 no ritmo da prova de 100 metros. São momentos the dificuldade e desafio, onde você não apenas persevera, mas supera a adversidade e sai da piscina com a sensação que está até mais alto.

8. A sensação de que o esporte é seu

A natação nunca vai ser o esporte principal do país (nem no Brasil, bem nos EUA). Os canais de TV tem mais chance de mostrar qualquer partida de futebol do que as provas de natação de um campeonato mundial. Talvez por causa disso, a conexão dos nadadores com seu esporte é muito forte. Nós sabemos que isso não vai nos tornar famosos, ricos ou levar a patrocínios absurdos.

Nós nadamos porque amamos nadar.

Porque no fim do dia nós não preferíamos estar em nenhum outro lugar que não seja na piscina. Nós vamos porque no sentido mais profundo, o esporte é nosso.

Adaptação e tradução de post publicado no YourSwimBook.

Posts relacionados

5 comentários em "8 coisas de que os nadadores sentem faltam quando param de nadar"

  1. Sergio disse:

    Boa! O cheiro de cloro é mortal!

  2. silmara disse:

    Realmente, falou tudo, nado a 30 anos fiquei 5 anos parada e passei bem isso, hj voltei comtudo participando de provas no master sensaçao unica, maravilhoso sentir essas emoçoes aos 40 anos novamente e ver minha equipe de jovens passando exatamente aquilo que passei, natação é vidaaaaaaa felizzzzz

  3. silmara disse:

    Bemm isso mesmo, sou nadadora a 30 anos e fiquei 5 anos sem nadar , hj voltei com tdo rsss deliciaaaaaaa nunca mais vou parar se Deus permitir….

  4. Mariano Sosa disse:

    O cheiro de cloro….. é perfume !

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »