Open – Dia 1

17 de dezembro de 2014

Torneio Open 20141 comentário em Open – Dia 1

Uma tarde de belas provas na piscina do Botafogo. Mais dois atletas fizeram índices para Kazan na primeira etapa do Open, depois dos três índices alcançados pela manhã.

No 100 costas feminino, Etiene Medeiros não teve dificuldade para vencer, nadando para 1’01”10, novo recorde do campeonato. O tempo está acima do índice para Kazan, de 1’00”25. Destaque para o segundo lugar de Maria Pessanha, de 14 anos, que por pouco não fez  o índice para o Mundial de Singapura, nadando para 1’04”26. Tatiana Adorno foi bronze com 1’04”45. Joanna Maranhão, que havia se classificado com os segundo tempo, não nadou a tarde.

Foto: Satiro Sodré/SSPress

Foto: Satiro Sodré/SSPress

Na prova masculina, os nadadores ficaram um pouco acima das marcas atingidas de manhã. Guilherme Guido fez 54”10, novamente abaixo do índice para Kazan. Thiago Pereira foi prata, com 54”54, e Fabio Santi bronze, com 55”28. 

Foto: Satiro Sodré/SSPress

Foto: Satiro Sodré/SSPress

Daynara de Paula coneguiu nadar melhor do que pela manhã e fez 26”42 no 50 borboleta, superando o recorde do campeonato. Bruna Rocha foi prata, com 26”52, e Daiene Dias bronze, com 26”71.

Na versão masculina, grande prova de Cesar Cielo, a mais forte da etapa da tarde. Com 22”91 no 50 borboleta, ele fez o segundo melhor tempo do mundo esse ano, e marca melhor do que quando foi campeão mundial em 2013 (23”01). Nicholas Santos, depois de fazer 23”01 pela manhã, voltou a nadar abaixo do índice, com 23”04. Bronze para Henrique Martins com 23”44.

No 50 peito feminino, primeira vitória no absoluto de Jhennifer da Conceição, atleta júnior 2 do Flamengo. Ela comemorou muito o ouro com 31”86. Prata para Ana Carla Carvalho (32’08) e bronze para Beatriz Travalon (32”11).

Foto: Satiro Sodré, SSPress

Foto: Satiro Sodré, SSPress

Boa disputa na prova de 50 peito masculino foi, como tem sido nos últimos anos. Felipe França levou a melhor com  27”04, abaixo do índice para Kazan. Mas o melhor tempo continua sendo o 26”89 de João Gomes Junior feito pela manhã. Ele nadou um pouco acima na final, com 27”14. Felipe Lima completou o pódio com 27”52.

Foto: Satiro Sodré, SSPress

Foto: Satiro Sodré, SSPress

As representantes do Brasil nos Jogos da Juventude dominaram o 800 livre. Bruna Primati começou com ritmo bem forte, abrindo para 1’01 nos primeiros 100 metros e já colocando boa distância. Com parcial de 4’17 na metade da prova, Primati cansou um pouco na volta, mas garantiu o ouro com 8’44”30. Viviane Jungblut foi prata com 8’47”03, e Carolina Bilich completou o pódio com 8’54”69.

No 1500 masculino, Miguel Valente começou atrás de Lucas Kanieski, mas ultrapassou o companheiro de treino por volta da metade da prova, imprimindo um ritmo forte. Com 15’16”69, Miguel bateu o recorde da prova e está a 2 segundos do índice para Kazan. Na entrevista após a prova, ele falou que o objetivo é ajustar o que falta e fazer o índice no Maria Lenk. Kanieski terminou em segundo, com 15”22”84, e Luiz Rogerio Arapiraca, que tinha o recorde desde 2009, foi bronze com 15’33”12.

Posts relacionados

Um comentário em "Open – Dia 1"

  1. patricia alves disse:

    PARABENS a todos os atletas , mais muito feliz pela minha filha JHENNIFER ALVES CON……… só Deus sabe tudo que ela passou estes 4 meses.SUPERAMOS PORQUE DEUS TA NA DIREÇÃO .PARABENS ATLETAS .DEUS OS ABENÇOE MAIS E MAIS .
    AH A CATEGORIA DA JHENNIFER TA ERRADA É JUNIOR 1 , 1997 17 ANOS

    .OBRIGADA PELO CARINHO DE VCS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »