Finkel 2015: Finais Dia 2 – TEMPO REAL | Yes Swim
tempo real finkel

Finkel 2015: Finais Dia 2 – TEMPO REAL

18 de agosto de 2015

Troféu José Finkel 2015Nenhum comentário em Finkel 2015: Finais Dia 2 – TEMPO REAL

200 peito masculino

Recorde sulamericano: Henrique Barbosa – 2’08”44
Recorde brasileiro: Henrique Barbosa – 2’08”44
Recorde de campeonato: Thiago Pereira – 2’10”91

Prova forte de Andreas Mickosz, passou na frente e venceu com 2’11”65, 1 centésimo abaixo do índice olímpico (mas vale lembrar que a competição ainda não vale como seletiva para os Jogos). Prata para Thiago Simon com 2’13”10 e bronze para Henrique Barbosa com 2’14”37.

Na final B, Diego Uchoa venceu com 2’17”32, seguido de Felipe Lima (2’17”93) e Felipe Silva (2’18”05).

200 peito feminino 

Recorde sulamericano: Carolina Mussi – 2’27”42
Recorde brasileiro: Carolina Mussi – 2’27”42
Recorde de campeonato: Taylor McKeown (AUS) – 2’28”45

Com um nado bem agressivo, Taylor McKeown passou na frente para 1’09”73, 4 segundos à frente da segunda colocada, Julia Sebastian. A australiana não foi ameaçada na prova em nenhum momento e venceu com 2’24”09, conseguindo para o Minas a bonificação do recorde sulamericano e comemorando bastante. Seis segundos trás, prata para Julia Sebastian com 2’30”71 e terceiro lugar para a jovem Andressa Simeao com 2’33”16 empatada com Pamela Alencar (ambas subirão ao pódio como primeiras brasileiras). Sobe ainda ao pódio Juliana Marin em terceiro 2’34”10.

Na final B, Carolyne Mazzo venceu com 2’35”10. Segundo lugar para Ana Presumido com 2’38”46 e terceiro para Thayanne Cardoso apenas 2 centésimos atrás, com 2’38”48.

100 borboleta masculino

Recorde sulamericano: Albert Subirats (VEN) – 50”65
Recorde brasileiro: Gabriel Mangabeira – 51”02
Recorde de campeonato: Gabriel Mangabeira – 51”06

Muito boa prova de Henrique Martins com 52”32. O nadador do Minas disse que veio para a competição para ganhar a prova e nadar abaixo do índice olímpico, e conseguiu os dois, comemorando bastante. A prata foi para Lucas Salatta com 52”72 e bronze para Arthur Mendes com 52”89. Nicholas Santos e Marcos Macedo também nadaram abaixo dos 53 segundos com 52”98, empatado em quarto, confirmando o nível forte da prova.

Na final B, empate em primeiro lugar com os nadadores de medley Thiago Pereira e Henrique Rodrigues nadando para 54”19.

100 borboleta feminino 

Recorde sulamericano: Gabriella Silva – 56”94
Recorde brasileiro: Gabriella Silva – 56”94
Recorde de campeonato: Inge de Brujin (NED) – 57”65

Bruna Rocha passou na frente com 27”35 mas Daynara de Paula voltou melhor: 58”93, a única abaixo de 59”. Bruna terminou em segundo com 59”59 e o bronze foi para Daiene Dias 1’00”24. Giovanna Diamante ficou em 4o com 1’00”63 e Dandara Antonio em 5o, 1’00”80.

Na final B, primeiro tempo foi para Bruna Beri 1’02”83, seguida de Julia Miranda com 1’03”15 e Priscila Souza 1’03”54.

1500 livre masculino

Recorde sulamericano: Martin Naidich (ARG) – 15’10”24
Recorde brasileiro: Brandon Pierry – 15’11”70
Recorde de campeonato: Luis Rogério Arapiraca – 15’13”13

Diogo Villarinho muito bem nos primeiros 300 metros, liderando a prova com ritmo forte de 3’01”33 nos primeiros 300 metros e 4’03 no 400. Em segundo lugar, Victor Colonese.

Nos 800 metros, Villarinho segue em primeiro com 8’16, mas diminui a distância frente aos outros nadadores.

Nos 100 metros, Miguel Valente lidera com 10’23, seguido de Vitor Colonese. Villarinho cansou um pouco.

Faltando 200 metros para o fim, Miguel Valente e Arapiraca são os dois primeiros colocados.

Com um excelente final de prova,Miguel Valente foi ouro com 15’32”45, seguido de Lucas Kanieski com 15’33”88 e Luis Rogerio Arapiraca com 15’35”02. Diogo Villarinho terminou em 7o com 15’50”08.

 

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »