TML 2014 – Finais dia 3

23 de abril de 2014

Troféu Maria Lenk 2014Nenhum comentário em TML 2014 – Finais dia 3

400 medley feminino – A expectativa era de que houvesse uma melhora no tempo da manhã, mas Katinka não segurou o mesmo ritmo e deu uma piorada. Mesmo assim venceu abaixo do recorde sulamericano, com 4’38”81.  Florência Perotti chegou em segundo, até tento acompanhar a húngara, mas ficou bem para trás com 4’51”02. A melhor brasileira foi Julia Gerotto com 4’56”95.

400 medley masculino – Até achei que pudesse rolar uma disputa entre os Thiagos, pela boa fase de Thiago Simon, mas o vice-campeão mundial da prova Thiago Pereira já tomou a liderança desde o início e venceu com certa tranquilidade: 4’15”45. Simon ficou com a prata com 4’17”98. Mas a maior comemoração foi de Brandon Pierry que baixou muito seu tempo, terminando com o bronze com 4’20”76. Esse moleque vai longe.

50 livre feminino – É só quebrar a barreira uma vez, que nadar pra 24 já está até comum. Gracielle Hermann nadou hoje para 24”79, segundo melhor tempo da carreira, atrás apenas da abertura de revezamento na segunda, que é recorde sulamericano. Mas quem venceu foi a dinamarquesa Jeanette Ottesen, que deu os pontos de recorde sulamericano para o Corinthians com 24”59. A prata brasileira ficou com Alessandra Marchioro com 25”17 e Lorraine Ferreira com 25”34. Inge Dekker ficou de fora do pódio.

50 livre masculino – A prova mais incrível do dia. Sabíamos que seria muito forte, mas foi demais. Cesar Cielo venceu com 21”39, melhor tempo do ano. Bruno Fratus foi prata com 21”45, melhor tempo da vida, muito comemorado e segundo melhor tempo do ano. E o bronze ficou com Nicholas Santos com 22”34. Nicholas que ficou quase de fora da final, tendo que desempatar pela vaga, após as eliminatórias.

800 livre feminino – Poliana Okimoto e Carolina Bilich fizeram uma bela briga até os 600 metros, mas Poliana soube atacar na hora certa e tomou a liderança para vencer com 8’43”78. Bilich ficou sem saber quanto fez, por causa de um erro no placar por uns segundos, mas sua prata ficou nítida e seu tempo logo apareceu com 8’47”73. O bronze foi para Viviane Jungblut com 8’50”27.

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »