Os destaques estatísticos do TML2015 | Yes Swim

Os destaques estatísticos do TML2015

13 de abril de 2015

Troféu Maria Lenk 2015Nenhum comentário em Os destaques estatísticos do TML2015

Destaques são sempre relativos e muitas vezes subjetivos, mas tratando-se de números, não há como nega-los.

Não há como negar a superioridade dos clubes Esporte Clube Pinheiros e Minas Tênis Clube, que disputaram ponto a ponto da primeira a última prova. Também é indiscutível o forte nível técnico do Sport Club Corinthians Paulista, terceiro colocado na pontuação geral. Ou a evolução da Unisanta com fortes contratações. É também unânime a qualidade do time feminino do Sesi-SP e a sempre constante equipe do GNU. Ou ainda a jovem formação do Clube Curitibano.

Uma coisa é certa. Esse Maria Lenk ficou marcado não só pelos resultados individuais e busca por índices e vagas em seleções. Mas pela união de cada equipe, pela torcida, pela disputa em conjunto. Há muito tempo eu não presenciava uma seletiva brasileira com tão poucos “W.O.s”. É sempre tão comum vermos os principais nadadores saindo de provas que estão no segundo plano, para focarem em suas principais, que chega a ser surpreendente ver Thiago Pereira nadando uma final B dos 400 livre, ou Guilherme Guido nadando a final dos 50 borboleta, antes dos 50 costas, ou ainda Cielo e Fratus nos 100 livre…

O resultado disso tudo foi uma emocionante disputa entre o Pinheiros e o Minas, que ao final da última prova teve o time paulistano como campeão por apenas 4,5 pontos.

pontuação TML15

No feminino, o Pinheiros também levou o título, mas com uma margem maior. Foi 1050 pontos, contra 903 pontos do Minas, seguido por Sesi-SP com 803,5 pontos.

Já no masculino, o Minas foi campeão com 1230 pontos, seguido pelo Corinthians com 1153 pontos e o Pinheiros com 1088,5.

Dos destaques individuais, levaram o troféu de melhor índice técnico, Etiene Medeiros no feminino, por sua atuação nos 50 costas com o melhor tempo do ano de 27”38 com incríveis 996 pontos. E Felipe França nos 50 peito com 27”07 com 986 pontos.

Já os mais eficientes foram Larissa Martins que somou 170 pontos, vencendo os 200 livre com recorde sul-americano, os 100 livre e ainda ficando em sexto nos 50 borboleta e sétimo nos 50 livre. No masculino, Leonardo de Deus foi de longe quem mais pontuou com 193 pontos, pelas vitórias nos 400 livre com recorde sul-americano, nos 200 borboleta, nos 200 costas e a quinta colocação nos 200 livre.

Atletas do Pinheiros comemoram títutlo no Maria Lenk

Acima, equipe do Pinheiros campeã pela 14ª vez, tornando-se a mais vitoriosa equipe da competição. Foto: Satiro Sodré/SS Press

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »