Entrevista – Antônio Varella (Tunico) da Bioginástica

20 de junho de 2012

EntrevistasNenhum comentário em Entrevista – Antônio Varella (Tunico) da Bioginástica

A história de Antônio Luiz Varella, o Tunico, no esporte começou muito cedo. Foi praticamente criado no Esporte Clube Pinheiros, respirando e vivendo esporte desde seus 3 anos de idade. Sempre foi habilidoso, forte e rápido, e isso o ajudou em suas experiências em diversas modalidades. Mas a natação foi sempre sua grande paixão.

Tunico é formado em Educação Física, Fisiologia do Exercício e Treinamento Desportivo e Funcional na FMU, Nutrição na Anhembi Morumbi e ainda é formado em cursos de Yoga e Pilates. Com esse currículo invejável, destacou-se como professor nas melhores academia de São Paulo, como: Fórmula, Competition, Projeto Ácqua, Instituto Levitas, Atma Studio e Companhia Atlética, além de Personal Trainer, no próprio ECP.

Mas foi na Bioginástica que Tunico se encontrou: “Subir em árvores, andar, correr, escalar, caçar, nadar em rios e mares, saltar de cachoeiras, carregar e atirar objetos e o contato direto com a natureza sempre foram, desde muito tempo, necessidades naturais do homem. Em minha opinião, essas atividades caminham junto com a formação do ser humano. Procurei desta forma estudar metodologias e práticas físicas que mantivessem o corpo saudável e suas valências físicas trabalhadas com equilíbrio.”

Primeiramente, ele buscou essa filosofia na Yoga, com suas técnicas respiratórias e meditação. Depois, encontrou na Ginástica Natural e na Bioginástica o trabalho de várias valências físicas em conjunto (força, explosão, flexibilidade, equilíbrio, coordenação, mobilidade articular, consciência corporal). Percebeu no trabalho abdominal do Pilates o fortalecimento da chamada “caixa de força”, onde encontra-se nosso centro de equilíbrio e energia, ambos de suma importância para o movimento corporal consciente. O treinamento funcional o mostrou que poderia trabalhar com sobrecargas sem isolar os músculos, o trabalho em circuito, a dinâmica e o rápido resultado estético. E foi na ciência do exercício que aprendeu metodologias de treinamento e a importância da atividade física como provedor de saúde e bem-estar: nosso maior patrimônio.

Swim Brasil – Fale um pouco sobre a bioginástica.

Tunico – A Bioginástica foi criada por Orlando Cani em 1970, curiosamente ano que eu nasci. O método foi fundamentado no Hatha Yoga, Kempô (Movimentos dos Animais), Tai-Chi-Chuan, Expressão Corporal, Respiração, Relaxamento, Alongamento e Flexibilidade. Utiliza todos os meios de locomoção, percebendo suas formas, conexões e qualidades dos movimentos do nosso corpo. Ensinando como utilizarmos a Força, Resistência, Flexibilidade e Coordenação Neuromuscular, de maneira espontânea e criativa, buscando o máximo de prazer na sua execução. Proporciona ao praticante o autoconhecimento do seu corpo, atingindo o equilíbrio psicomotor como um todo.

SB – O que te levou a trabalhar com a natação?

T – Fui nadador, atleta do Pinheiros e sabia dos sabores e dores que os nadadores passam pra chegar aos seus objetivos… as vivências do dia-a-dia. O Albertinho (head coach na época) conheceu meu trabalho no Projecto Aqua e gostou muito, me chamando aos poucos para trabalhar com sua equipe.

SB – Qual a importância da bioginástica para o atleta, principalmente para o nadador?

Eu acho que ajuda muito na preparação, dando mais qualidade aos treinamentos e aliviando a pressão mental e corporal que vivem nas temporadas. Veja alguns depoimentos de nadadores que trabalhei, que podem responder melhor:

“a aula (…) engloba flexibilidade, agilidade, força, explosão,(…) tudo dosado de acordo com a nossa época de treinos. (…) faz com que fiquemos verdadeiramente “em forma”, com musculaturas alongadas, ao mesmo tempo fortalecidas” – Flávia Delaroli
“até hoje não tinha conhecido nada parecido (…) o interessante é comentar como tem me ajudado no equilíbrio. Digo isso pois sou bastante ansioso e muitas vezes agitado” – Nicholas Santos
“As aulas do Tunico têm me ajudado bastante na questão do equilíbrio corporal e mental. (…) sinto que o corpo vai reagindo e soltando aos poucos, ao final das aulas a leveza e bem-estar se complementam com a paz interior que consigo atingir” – Michelle Lenhardt
“(…) Me deixa mais concentrada para fazer tudo, mais alongada. Além disso, [as aulas] são divertidas e descontraídas. Acho que o Tunico sabe muito bem lidar com os atletas e está sempre disposto a ajudá-los, além de se preocupar com o que é melhor para cada atleta, de acordo com a fase do treinamento que nos encontramos.” – a blogueira
“além de me ajudar a manter a forma e condicionamento para enfrentar a rotina exigente de treinos, as aulas me ensinaram muito sobre os limites e capacidades do meu corpo, a chamada consciência corporal. (…) o mestre Tunico se tornou um amigo, que passara ensinamentos preciosíssimos sobre controle emocional e psicológico” – Bruno Fratus
“É uma sensação única, de paz, de introspecção, de auto conhecimento mental e corporal. (…) as aulas nos ajuda muito a nos conhecermos um pouco mais” – André Brasil
“com as suas aulas, percebo que fiquei com o corpo mais solto e mais alongado. (…) melhorei muito na parte de alongamento dos músculos, na parte de meditação junto com a respiração e melhorei também onde eu tinha mais dificuldade: na soltura do quadril” – Guilherme Guido

SB – O que você prioriza ao dar aulas para nadadores?

T – Planejo meus treinos de acordo com a fase do treinamento que eles se encontram, sempre pensando em dar mais mobilidade, coordenação, força e explosão em conjunto com flexibilidade, consciência corporal e exercícios respiratórios. Só a partir daí, faço o trabalho mental, pois chego à mente dos atletas através do corpo, afinal funcionam diretamente ligados. Eu até considero tudo uma coisa só: mente e corpo.

SB – Cite alguns dos principais atletas que já deu aula.

T – Já trabalhei, além dos que deram seus depoimentos, com César Cielo, Bruno Fratus, Felipe França, Gabriel Mangabeira, Tatiana Lemos, Monique Ferreira, Thiago Pereira, Leonardo de Deus, Gary Hall Jr., Nathan Adrian e muitos outros olímpicos e campeões mundiais de outras modalidades esportivas.

SB – Quais seus planos futuros? A natação está dentro desses planos?

T – Atualmente continuo trabalhando com os atletas. Fico muito feliz de poder colaborar com eles e com meu país, para termos mais resultados positivos nas Olimpíadas e nos campeonatos mundiais. Vou continuar com isso por um tempo. Paralelamente, tenho meu trabalho de personal, que começo a dar uma cara nova. Aprendi com a experiência com os atletas, que o trabalho em grupo é mais prazeroso e dá mais resultados que o trabalho individual. Então, resolvi criar o grupo de personal atendendo em condomínios, clubes e empresas. Espero que isso seja bem recebido pelo público.

SB – Fale sobre a sua melhor experiência com a bioginástica.

T – A melhor experiência com a Bioginástica foi, sem dúvida, o trabalho com atletas e executivos. Vendo a mudança positiva que o trabalho fez em suas vidas cheias de cobranças e estresses, além da mudança que esse caminho que escolhi teve na minha vida pessoal e profissional. Agradeço ao meu mestre Orlando Cani e ao meu mentor mental Rickson Gracie por mudarem minha vida para sempre, hoje meu filho que tem 1 ano e meio já inicia na minha filosofia de vida de cuidar da mente e do corpo e quem o conhece já vê uma criança diferente e feliz. O pequeno e a minha medalha olímpica me deixa cheio de orgulho todo dia.

SB – Dê um recado para os leitores do blog.

T – Aos leitores posso falar que devem olhar para seu corpo, sua mente e sua vida pessoal de uma perspectiva onde o “viver, prazer e escutar o coração” devem ser seus guias. Confiem nos seus instintos, não se deixem levar pelas necessidades materiais, sejam verdadeiros com vocês e com as pessoas a sua volta e façam tudo com amor, que tudo vai ficar bem…

Saúde, paz e beijo no coração.

Visite o site e o blog de Tunico, onde você encontra os depoimentos completos de diversos atletas, vídeos, fotos, além de dicas para uma vida em equilíbrio:

Sites: www.antoniovarella.com.br

www.naturalmenteforte.com.br

Blog: www.antoniovarella.wordpress.com


Posts relacionados

0 comentários em "Entrevista – Antônio Varella (Tunico) da Bioginástica"

  1. […] – Antônio Varella (Tunico) da Bioginástica Posted on 20 de junho de 2012 by Carolina […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »