Budapest+2017+FINA+World+Championship+Day+f4gvV4S6oyUl

BUDAPESTE 2017 – TEMPO REAL Finais Dia 2

24 de julho de 2017

Mundial Budapeste 2017Nenhum comentário em BUDAPESTE 2017 – TEMPO REAL Finais Dia 2

100 peito masculino

Kevin Cordes teve a melhor saída e uma filipina muito forte, mas a partir do momento que Adam Peaty começa o nado, não há como segura-lo. O britânico passou na final para 26”50 (nunca nenhum nadador nadou abaixo disso, a não ser o próprio Peaty). Na filipina, o americano ainda tentou recuperar distância, mas difícil competir com o nado do campeão olímpico. Seu tempo foi de 57”47, seguido de Cordes com 58”79. O bronze ficou com o russo Kirill Prigoda, que teve uma excelente saída, fazendo 59”05.

100 peito masculino Adam Peaty Budapeste 2017 2

100 borboleta feminino

Sarah Sjostrom já assumiu a liderança logo na ondulação. Passou para 25”67, mais forte que ontem nas eliminatórias. Muito bem também a australiana Emma McKeon com 26”34.

A sueca dominou a prova até o fim, com novo recorde de campeonato: 55”53! Emma terminou com a prata melhorando de novo sua marca pessoal, com 56”18. O bronze ficou para Kelsi Worrell, fazendo também sua melhor marca da carreira, com 56”37. A americana é treinada pelo brasileiro Alberto Albiero, que está aqui em Budapeste como um dos treinadores da seleção dos Estados Unidos.

A medalhista de prata nas Olimpíadas do Rio, Penny Oleksiak, terminou com a quarta colocação com 56”94.

100 borboleta feminino Sarah Sjostrom budapeste 2017

100 costas masculino

Semifinal 1

Os americanos Ryan Murphy e Matt Greevers encabeçaram a série desde o início. Murphy passou na frente com 25”85 e permaneceu na liderança para levar a primeira semifinal com 52”95. Na batida de mão (mesmo tendo 2 metros de altura), Greevers chegou atrás por dois centésimos. Guilherme Guido passou em terceiro com 25”85 e terminou a série na mesma colocação, se colocando numa boa posição para classificação com 53”71.

Semifinal 2

O chinês assumiu a liderança desde a saída (vendo de cima, acredito que ele tenha passado dos 15 metros), e nadou MUITO fácil para 52”44. Como passou para a final, é bastante favorito pela forma como nadou (esse ano ficou a um centésimo do recorde mundial).

O experiente Ryosuke Irie passou com o segundo tempo com o tempo de 53”02.

Guilherme Guido passou em sétimo.

100 costas masculino semifinal budapeste 2017

100 peito feminino

Semifinal 1

Yulia Efimova nadou simplesmente para 1’04”36 ainda na semifinal, que fica a apenas 1 centésimo do recorde mundial de Ruta Meilutyte (que nadará a segunda série). A americana medalhista de bronze no Rio terminou em segundo mais de um segundo atrás com 1’05”48.

Semifinal 2

Ruta Meilutyte não teve aquela saída impressionante, mas ainda sim saiu na frente. Lilly King assumiu a partir dos 25 metros e passou na frente os 50 metros com para 29”90. Ruta teve uma melhor filipina na virada, mas o nado da americana, atual campeã olímpica, está mais efetivo e venceu a série com o bom tempo de 1’04”53. A recordista mundial terminou em segundo na segunda semifinal com 1’05”06, classificando-se com o terceiro tempo para a final.

A prova de amanhã vai pegar fogo, com boas chances de recorde mundial!!

100 peito feminino semifinal budapeste 2017

50 borboleta masculino

Nicholas Santos não teve sua saída que sempre é um diferencial. Teve uma primeira braçada muito forte, que o colocou de novo na disputa. Foram apenas 4 centésimos que o separaram do ouro, terminando com a prata com 22”79. O vencedor foi Benjamin Proud (que tem o melhor tempo do ano nos 50 livre) com 22”75. Bronze para o ucraniano, que liderava até os 30 metros, com 22”85. Caeleb Dressel terminou em quarto e Henrique Martins em sexto.

50 borboleta masculino final Nicholas Santos Benjamin Proud Budapeste 2017

100 costas feminino

Semifinal 1

Emily Seebohm, atual campeã mundial da prova, foi a única abaixo dos 59 segundos na primeira semifinal, com 58”85. A americana Olivia Smoliga chegou em segundo na série com 59”05, também praticamente garantida para final de amanhã.

Semifinal 2

Kylie Masse já chegou muito próxima ao recorde mundial esse ano. Nos primeiros 50, passou empatado com a americana Kathleen Baker com 28”59. A canadense distanciou na segunda metade da prova e venceu a apenas 6 centésimos do recorde mundial!! Melhor tempo do ano e favoritíssima ao ouro. 59 segundos não garantiram final como já esperado.

100 costas feminino semifinal budapeste 2017

200 livre masculino

Semifinal 1

O barulho da primeira semifinal foi impressionante. Dava impressão que um húngaro estava a frente da linha do recorde mundial. A realidade é que Dominik Kozma estava entre os três primeiros da série para se classificarem para a final. Enquanto isso, o americano Townley Haas passava os 100 para fortes 50”60, seguido de perto pelo atual campeão mundial James Guy com 50”80. O britânico acabou na rente na série com 1’45”18 e Haas chegou em segundo com 1’45”43. O húngaro acabou a série em terceiro para delírio da torcida.

Semifinal 2

O melhor tempo da segunda semifinal foi do líder do ranking mundial de 2017 nos 100 livre: Scott Duncan, com 1’45”16, que o deixa com o melhor tempo para a final de amanhã. Sun Yang classificou-se também, com o segundo melhor tempo da segunda série: 1’45”26.

Mack Horton ficou de fora da final com seus 1’46”81. Tae Hwan Park classificou-se com o oitavo tempo 1’46”28.

200 livre masculino semifinal budapeste 2017

200 medley feminino

Impossível não mencionar a torcida húngara. O barulho é algo que não vimos nas Olimpíadas do Rio com os brasileiros, antes mesmo de Katinka Hosszu cair na água, impressionante.

Não precisamos nem falar que a húngara liderou do início ao fim, chegando a passar os primeiros 50 metros abaixo do recorde mundial. Venceu a prova com 2’07”00.

Impressionante a prova da japonesa Yui Ohashi, na raia 8, terminando com a prata com 2’07”91. O bronze ficou com a americana Madisyn Cox com 2’09”71.

Agora: O que houve com Sydney Pickrem? A canadense nadou o borboleta e logo saiu da piscina, sem completar a prova.

200 medley feminino katinka hosszu budapeste 2017

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »