Nicholas Santos campeão mundial Hangzhou

Mundial de Hangzhou: quinto dia de finais

15 de dezembro de 2018

Mundial Hangzhou 2018, ResultadosNenhum comentário em Mundial de Hangzhou: quinto dia de finais

Que dia!! Após o recorde mundial do 4×200 de ontem, a equipe brasileira se inspirou e terminou o quinto de finais em Hangzhou com mais 3 medalhas. Nenhum recorde mundial foi batido hoje, mas foi uma das melhores etapas para o Brasil.

Finais

O Brasil já começou subindo ao pódio no revezamento 4×50 medley masculino, confirmando o favoritismo a medalha. Guilherme Guido, Felipe Lima, Nicholas Santos e Cesar Cielo conquistaram a medalha de bronze, somando 1’31”49. A equipe campeã foi a Russia que, mesmo sem Vladmir Morozov, levou o ouro com 1’30”54, a 3 centésimos do recorde de campeonato que pertence ainda ao Brasil. Os EUA terminaram com a prata com 1’30”90.

Russia EUA Brasil
Costas Kliment Kolesnikov – 22”87 Ryan Murphy – 22”73 Guilherme Guido – 22”97
Peito Oleg Kostin – 25”36 Michael Andrew – 26”16 Felipe Lima – 25”48
Borboleta Mikhail Vekovishchek – 22”09 Caeleb Dressel – 21”70 Nicholas Santos – 22”02
Livre Evgeny Rylov – 20”22 Ryan Held – 20”31 Cesar Cielo – 21”02

Assista à prova completa e pódio, transmitida pelo SporTV:

A segunda medalha brasileira da noite veio com Nicholas Santos, que venceu a prova com novo recorde de campeonato! Seu tempo foi de 21”81, apenas 6 centésimos pior que seu próprio recorde mundial que também foi batido esse ano. Esse é o segundo título de Nicholas em Mundiais de curta nessa prova. O primeiro ouro veio em 2012. Mais que isso, a prata hoje foi a mesma também de 2012, com Chad Le Clos, que fez em Hangzhou 21”97.

Assista à prova, que foi transmitida pelo SporTV:

E a terceira medalha brasileira do dia veio nos 400 medley com o jovem Brandonn Almeida, que tem apenas 20 anos de idade. Brandonn levou o bronze, em sua primeira medalha em Mundiais, com melhor marca pessoal de 4’03”71. Vitória fácil de Daiya Seto com 3’56”43.

Brandonn Almeida Hangzhou 400 medley bronze

Foto: Satiro Sodré/SSPress

Katinka Hosszu conquistou seu último ouro da competição (pois foi sua última prova) nos 200 medley, com vitória tranquila de 2’03”25. Uma dobradinha americana completou o pódio com Melanie Margalis e Kathleen Baker fazendo, respectivamente: 2’04”62 e 2’05”54. A campeã olímpica da prova Ye Shiwen ficou em quarto com 2’05”79.

Nos 50 costas feminino, sem Etiene Medeiros, a vitória ficou com a americana Olivia Smoliga com 25”88. Também abaixo de 26 segundos, a austríaca Caroline Pilhatsch com 25”99.

Na prova dos 100 peito feminino, Alia Atkinson, que é a atual recordista mundial junto com Ruta Meilutyte, foi a campeã da prova com 1’03”51.

Semifinais

Nos 100 livre masculino, Marcelo Chierighini não conseguiu a classificação para a final, terminando na décima segunda posição com 46”93. Ele passou bem forte, tendo a terceira melhor parcial de toda a semifinal, mas não aguentou a volta da prova. Amanhã, aguarde um 100 livre MUITO emocionante entre Chad Le Clos, Vlad Morozov e Caeleb Dressel, que classificaram-se em primeiros nessa ordem, com 45”89, 45”93 e 46”09. Tempo para pegar final: 46”53.

Confira aqui o resultado completo da prova.

Daiene Dias, conseguiu a classificação para a final dos 100 borboleta, batendo o recorde sul-americano com 56”40 e passando com o quarto tempo! O melhor tempo das semifinais foi de Kelsi Dahlia com 55”09, favoritíssima ao ouro como única abaixo dos 56 segundos.

Além de Daiene, Etiene Medeiros passou para a final dos 50 livre, fazendo o terceiro melhor tempo da prova e batendo o recorde do continente americano com 23”82. A nadadora, que acabou não conseguindo se classificar pra prova em que é bi-campeã e recordista mundial, terá amanhã mais uma chance de subir ao pódio. os melhores tempos da semifinal ficaram por conta das holandesas Ranomi Kromowidjojo e Femke Heemskerk, com 23”50 e 23”75, respectivamente.

E pra melhorar ainda mais, Felipe Lima e João Luiz Gomes Jr. estão na final dos 50 peito. João classificou-se com o terceiro tempo: 25”94 e Felipe com o oitavo tempo: 26”01. O melhor tempo ficou com Cameron van der Burgh, que já anunciou sua aposentadoria após a final dos 100 peito e cairá pela última vez na água, amanhã. Hoje, fez 25”76.

Mais brasileiros

Cesar Cielo e Larissa Martins estavam inscritos para nadar pela manhã as provas dos 100 livre e 50 livre, respectivamente, mas não compareceram.

Veja resultados completos do primeiro dia.

Veja resultados completos do segundo dia.

Veja resultados completos do terceiro dia.

Veja resultados completos do quarto dia.

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »