O melhor resultado de Cingapura | Yes Swim
viktoria gunes cingapura

O melhor resultado de Cingapura

2 de setembro de 2015

Mundial Júnior Cingapura 2015Nenhum comentário em O melhor resultado de Cingapura

A competição teve diversos resultados extremamente expressivos e chega a ser injusto mencionar apenas um. Mas acredito que seja de comum acordo dizer que os 200 peito de Viktoria Gunes no último dia merece um destaque sobre os demais.

A turca venceu todas as provas de peito nessa edição, além dos 200 medley. Ela ganhou o prêmio de melhor nadadora da competição com os 4 ouros em 4 provas nadadas. Mas não é novidade para ela subir ao pódio em Mundiais Junior. Em Dubai-2013, Viktoria era ainda ucraniana e medalhou dos 50 aos 200 peito, ficando atrás apenas da recordista mundial Ruta Meilutyte nos 50, bronze nos 100 e vencendo os 200 peito.

Ser bicampeã mundial Junior talvez equipara-se com o tetra-campeonato em um Mundial Absoluto. Isso implica, primeiramente, em ter sorte em nascer no ano certo. Pois nadadoras nascidas em 1999, por exemplo, tinham 14 anos em Dubai, o que dificultou classificarem-se. E aos 18, na edição de 2017, já não terão eligibilidade para participarem.

Então, fator 1: conseguir estar presente em duas edições.

O fator 2 é simplesmente ser muito boa, mesmo mais jovem. Ter 15 anos e vencer em um Mundial em cima de meninas de 16 e 17 é bem significativo. Brandonn Pierry é um exemplo (e olha que com menino é ainda mais difícil por ter um desenvolvimento menos precoce): ele esteve em Dubai com 16 anos – chegar lá já o faz um mito – e sequer pegou final. Esse ano saiu com duas medalhas, além de ser recordista mundial em uma prova. (No Mundial Junior são permitidas meninas na faixa etária de 14 a 17 anos e meninos na faixa de 15 a 18 anos).

O fato é que Viktoria Gunes é a única nadadora que conseguiu a façanha de um bicampeonato na história de um Mundial Junior. Ninguém mais. Quem chegou mais próximo foi o servo Ivan Lendger que aos 16 anos venceu os 100 borboleta no Mundial do Rio e por incrível que pareça, dois anos depois, mais velho, acabou com a prata em Lima.

Image processed by CodeCarvings Piczard ### FREE Community Edition ### on 2015-08-26 15:19:33Z | http://piczard.com | http://codecarvings.com

E junto com essa façanha, um tempo absurdo: 2’19”64, apenas meio segundo do recorde mundial absoluto e TRÊS segundos mais forte que o recorde mundial junior anterior dela mesma. Sim, ela baixou 3 segundos em um mês, depois de sua quase-final na prova em Kazan. Mais que isso: ela é a quarta nadadora da história a baixar os 2’20”.

Esse tempo feito no domingo é – de longe – o melhor tempo da temporada. Seria facilmente ouro em Kazan, com 2 segundos de vantagem. Sério, daonde veio isso?

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »