KZN 15: Eliminatórias – Dia 3

4 de agosto de 2015

Mundial Kazan 2015Nenhum comentário em KZN 15: Eliminatórias – Dia 3

Mais um recorde mundial batido nas eliminatórias. Agora foi a fez de Cameron van der Burgh, um dia depois de ser prata no 100 peito, fazer a melhor marca da história no 50 peito: 26”62. O tempo é o mesmo da marca de Adam Peaty no Europeu ano passado, que foi questionada pela FINA por um erro administrativo no teste de sangue.

O Brasil classificou quatro nadadores para as semifinais hoje a noite. E, de novo, quem vacilou ficou fora da final: caso de Ryan Cochrane no 800 livre, Christian Sprenger no 50 peito e Koptelov no 200 borboleta.

50 peito masculino
O sulafricano van der Burgh já começou o dia com nova marca mundial. Adam Peaty veio logo atrás com 26”68 e não duvidamos que essa marca caia de novo na semi e na final. Felipe França (5o) e Felipe Lima (8o) avançaram com 27”10  27”37. Christian Sprenger ficou de fora da semifinal, assim como no 100 peito.
Tempo para semifinal: 27”51

Screen Shot 2015-08-04 at 6.49.17 AM

200 livre feminino 
Manuella Lyrio ficou com a 16a e última vaga para a final, nadando para 1’58”68. É sua segunda semifinal na competição, depois do 400 livre, onde ainda bateu o recorde brasileiro. Larissa Oliveira ficou em 27o lugar com 2’00”35. As principais favoritas avançaram para a semi também: Katie Ledecky com o primeiro tempo (1’55”82), Katinka Hosszu, Missy Franklin, Federica Pellegrini, Femke Heemsker, Sioban O’Connor…
Tempo para semifinal: 1’58”68

Screen Shot 2015-08-04 at 6.51.55 AM

200 borboleta masculino 
Lazslo Cseh, bronze ontem na prova de 50 borboleta, passou em primeiro com a forte marca de 1’53”71, a melhor do ano e o primeiro sub 1’54 da temporada. Leo de Deus avançou com o 5o tempo: 1’55”83. Chad Le Clos, que hoje nada a final do 200 livre, por pouco não se poupou demais: passou em 14o lugar com 1’56”92. Evgeny Koptelov, que há um mês venceu a prova no Universíade com 1’54”7, ficou fora da semifinal.
Tempo para semifinal: 1’57”28

Screen Shot 2015-08-04 at 6.52.35 AM

800 livre masculino
Os dois americanos, Connor Jaeger e Michael McBroom avançaram para a final, coisa rara hoje em dia. Quem ficou fora da final foi um dos favoritos, Ryan Cochran, que sobe ao pódio da prova desde 2009 e no primeiro dia em Kazan foi bronze no 400 livre. A prova foi forte mesmo: todos os classificados nadaram abaixo de 7’50. Mack Horton, Sun Yang e Gregorio Paltriniei estarão na final.
Tempo para final: 7’49”70

Screen Shot 2015-08-04 at 6.52.48 AM

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »