Previsão Yes Swim para Kazan: 200 LIVRE

21 de julho de 2015

Previsão Yes Swim1 comentário em Previsão Yes Swim para Kazan: 200 LIVRE

200 livre feminino

Brasileiras na prova: Larissa Oliveira e Manuella Lyrio

Melhor tempo em 2015: Femke Heemskerk – 1’54”68

Ausência sentida: Allison Schmitt e Sarah Sjostrom

Atenção: A quantidade de grandes atletas que ficarão de fora do pódio (e quiçá da final)

O que esperar na final: Essa é a prova que mais estamos aguardando na competição no feminino. Aliás, devemos ter em Kazan uma prévia do que pode ser a versão feminina da prova do século no Rio-2016. Para entender, basta listarmos as personagens:
– Federica Pellegrini: bicampeã mundial da prova (2009-2011), campeã olímpica da prova em 2008, recordista mundial, atual vice campeã mundial (2013)
Missy Franklin: campeã mundial da prova, uma das maiores estrelas dos EUA, fez incríveis 1’39”00 no 200 jardas este ano
Katie Ledecky: uma das maiores fundistas de todos os tempos, primeira a baixar de 4’00 no 400 livre sem trajes tecnológicos, máquina de bater recordes mundiais.
Femke Heemskerk: holandesa foi campeã mundial de curta na prova e vive o melhor momento da carreira. Este ano fez 1’54”68, terceiro melhor marca na prova em todos os tempos sem trajes e melhor tempo do ano.
Katinka Hosszu: A húngara incluiu o 200 livre em seu leque de provas fortes e é sempre um nome perigoso. Já nadou para 1’55 este ano. Ainda não sabemos se ela nadará a prova, mas sua presença com certeza deixará a final mais interessante
Temos ainda Emma McKeon em ótima fase. E tudo isso sem mencionar a ausência de Sarah Sjostrom, que nadou para 1’54”77 este ano, mas optou por tirar a prova de sua programação.

Por fim, boa expectativa para o primeiro 1’57 de brasileiras, com Manuella Lyrio embalada depois de um ótimo Pan-Americano e Larissa Oliveira querendo recuperar seu recorde sul-americano depois de uma participação ruim na prova em Toronto. Botamos fé nas duas atletas pegando semifinal.

Previsão da Yes Swim

200 livre feminino Mundial Kazan 2015

200 livre masculino

Brasileiros na prova: Nicolas Oliveira e João de Lucca*

Melhor tempo em 2015: Paul Biederman – 1’45”60

Ausência sentida: Yannick Agnel

O que esperar na final: A ausência do atual campeão olímpico e mundial Yannick Agnel é evidentemente um dado importante, mas nem por isso esperamos uma prova fraca. Paul Biederman tem o melhor tempo do ano e busca voltar ao pódio de Mundial depois de ser ouro em 2009 e bronze em 2011. Sun Yang é Sun Yang, e já nadou para 1’45 esse ano. Esperamos uma boa prova também dos australianos, depois de uma seletiva muito apertada, deixando Thomas Fraser-Holmes de fora da prova individual. Cameron McEvoy e David McKeon serão os representantes. Também não se pode esquecer dos russos Alexander Krasnykh e Alexander Sukhorukov que estarão competindo em casa e tiraram grandes nomes da prova na seletiva, como Danila Izotov. E por fim, nunca podemos duvidar de Ryan Lochte.

*João não fez o índice A no Open nem no Maria Lenk, mas como estará na competição para nadar o revezamento, pode ser que nade a prova. 

Previsão de pódio Yes Swim

200 livre masculino Mundial Kazan 2015

Posts relacionados

Um comentário em "Previsão Yes Swim para Kazan: 200 LIVRE"

  1. Daniel Takata disse:

    Muito boa a série de previews! Acho que o 200m livre masculino é uma das provas mais desfalcadas, pois os três primeiros do ranking mundial do ano passado não irão nadar – além de Thomas Fraser-Homes, Kosuke Hagino (campeão asiático) e Tae Hwan Park (atual vice olímpico, duas vezes) também estarão ausentes, para mim ausências até mais sentidas do que a de Yannick Agnel, que está longe da melhor forma há algum tempo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »