BCN2013 – Eliminatórias do Dia 6

2 de agosto de 2013

Mundial Barcelona 2013, Notícias, ResultadosNenhum comentário em BCN2013 – Eliminatórias do Dia 6

Hoje as eliminatórias foram bem mais cheias. Foram 6 eliminatórias disputadas, sendo que 1 revezamento. O Brasil em sua maioria foi bem e classificou-se nas provas que pode disputar medalha.

50 livre masculino – É, hoje foi dia de 50 livre. Os dois brasileiros classificaram-se bem entre os 8 melhores tempos. Cesar Cielo fez o segundo melhor tempo com 21”76. Marcelo Chierighini está com o oitavo tempo: 22”01. São 7 nadadores na casa dos 21 segundos, o melhor deles é o campeão olímpico Florent Manaudou com 21”72. Mas é aquilo, Nathan Adrian, Vlad Morozov, Anthony Ervin (esses na casa dos 21), James Magnussen, Fred Bousquet, Roland Schoeman, George Bovell… todos classificados para as semifinais. Luca Dotto, Adam Brown e Sebastian Verschuren ficaram de fora.

Para entrar na semi: 22”25

50 borboleta feminino – Nessa prova também tem muita gente cotada a medalha. A prova já de 50 metros, o que abre um leque de possibilidades. Mas também é muita gente boa. O melhor tempo para as semifinais teve um empate entre Jeannete Ottensen e Francesca Hallsall com 25”69. A dinamarquesa inclusive saiu dos 100 livre para dedicar-se inteiramente a essa prova. Mas daí, também tem Brittany Elmslie, Christine Magnuson, Ranomi Kromowidjojo, Inge Dekker,  Dana Vollmer… Alicia Coutts ficou fora da semi, assim como a brasileira Daynara de Paula, que terminou na 20ª colocação com 26”68. Por falar em empate, teve que rolar desempate pela 16ª vaga e a francesa Helanie Henique levou a melhor, forçando mais no desempate com 25”94.

Para entrar na semi: 26”54

100 borboleta masculino – Mais uma prova com brasileiro classificado. Thiago Pereira começou a investir nessa prova para esse próximo ciclo olímpico e já começou bem, classificando-se com o 12º tempo: 52”23. Pelas parciais, acredito que ele segurou: 24”24, 27”99. Então podemos esperar um 51” e uma final quem sabe. Pra 51 segundos nas eliminatórias, foram apenas 4 nadadores. Os dois melhores empataram no pódio com a prata em Londres, atrás apenas de Phelps. Hoje, o russo Evgeny Korotyshkin fez melhor tempo: 51”55. Chad Le Clos logo atrás com 51”88. Classificados também Laszlo Cseh, Ryan Lochte e Eugene Godsoe. Os dois australianos ficaram de fora.

Para entrar na semi: 52”52

200 costas feminino – Essa prova estou bem curiosa. Federica Pellegrini disse que treinou só pra ela esse ano. Deve ser exagero, mas duvido que seja mentira. E a italiana não iria focar em uma prova só para beliscar uma final ou um pódio. Ela tem que ter pretensões sérias de ganhar. Só que com Missy Franklin? Será que Pellegrini consegue dar trabalho para a americana em sua principal prova? Franklin nadou fácil para fazer o melhor tempo: 2’07”57. A italiana está com o 10º tempo: 2’10”65. Elizabeth Pelton, Daryna Zevina e Katinka Hosszu também estão classificadas. Uma pena não ter Anastasia Zueva nessa prova, que foi medalhista de prata em Londres. Sem brasileira na prova, Joanna Maranhão estava inscrita, porém não nadou.

Tempo para entrar na semi: 2’12”14

4×200 livre masculino – Hoje foi a vez dos homens nadarem o revezamento mais longo da natação. Estados Unidos, Rússia e França classificaram-se todos com tranquilidade, poupando alguns nadadores. Vai ser difícil tirar o ouro americano, mas também era difícil no 4×100 e os franceses levaram. China também poupou mas classificou-se em oitavo, quase de fora. Já a Australia não teve a mesma sorte, poupou e terminou em 9º. O Brasil não nadou bem. Se cada um tivesse nadado para o melhor, poderiam se classificar, ma terminaram em 11º. João De Lucca foi o único que fez o esperado nadando lançado para 1’47”96. Nicolas Nilo abriu para 1’47”93, Fernando Ernesto (1’49”21) e Vinicius Waked fechou para 1’50”87, somando 7’15”97.

Tempo para entrar na final: 7’13”37
Melhor parcial abrindo: Danila Izotov (RUS) – 1’47”50
Melhor parcial lançado: Charles Houchin (USA) – 1’45”66
 

800 livre feminino – A final é só amanhã, mas vem recorde mundial por aí. Katie Ledecky fez o melhor tempo das eliminatórias com 8’20”65. Lauren Boyle, que também nadou muito nos 1500, já bateu o recorde da Oceania ainda nas eliminatórias com 8’21”00. Lotte Friis, Mireia Belmonte também estão classificadas. E prometem uma emoção ainda maior que os 1500. Chloe Sutton e a venezuelana Andreina Pinto também estão classificadas, esta última a apenas 1 segundo de seu próprio recorde sulamericano. Jazmin Carlin terminou em 9º de novo! A neozelandesa que prometia disputar lado a lado com Ledecky, ou não está bem ou abusou de novo da sorte e ficou fora por centésimos. Carolina Bilich também nadou e terminou na 26ª colocação com 8’52”10, acredito que seja sua melhro marca pessoal.

Para entrar na final: 8’27”41

Posts relacionados

0 comentários em "BCN2013 – Eliminatórias do Dia 6"

  1. Wlad Veiga disse:

    Ola Carol. Muito legal sua cobertura… o Blog esta cada dia melhor.
    Abcs
    Wlad

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »