imagejpeg-0f66f913d9d28ae5

Phelps diz que voltaria a nadar se não fosse pelo risco de lesões

25 de fevereiro de 2017

NotíciasNenhum comentário em Phelps diz que voltaria a nadar se não fosse pelo risco de lesões

Pois é. Em uma transmissão ao vivo realizada em seu facebook na última sexta-feira, Michael Phelps disse que poderia nadar mais um ciclo olímpico se não fosse pela possibilidade de lesões. No vídeo, ele ressalta várias vezes que não voltará à natação competitiva, mas que continua nadando para ter paz.

“Se você pudesse me garantir que eu nunca me machucaria nesses quatro anos, que eu não teria problemas com meus ombros ou nenhum outro tipo de lesão, eu provavelmente faria de novo porque me diverti muito essa última vez. Mas eu não quero arriscar minha capacidade de passar tempo com meu filho quando ele crescer e fazer parte de cada momento da vida dele. Não colocaria meu corpo para passar por isso, não vou arriscar. Meu corpo é muito mais importante e minha família é mais importante do que nadar mais quatro anos e nadar mais uma Olimpíada”.

 

“A parte mais triste de ter parado é não poder representar  mais meu país, especialmente ouvir o hino nacional no pódio”.

Clique aqui para ver o vídeo.

Ele disse ainda que estará no Mundial de Budapeste, em julho, embora não vá competir, e falou bastante sobre antidoping. Phelps falará ao Congresso Americano sobre o tema na terça-feira. “Tenho muito a dizer. Nunca tive a chance de falar tudo que sinto. Há muitas pessoas trapaceando, esse é o jeito mais fácil de dizer. Veja o que aconteceu no Rio, todos os nadadores que testaram positivo e ainda podem competir. Isso é errado, é injusto. Precisamos limpar isso. Nenhum atleta deveria sentir que outro tem alguma vantagem por usar alguma droga que ajuda na performance”.

 

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »