Olimpíadas da Juventude – Dia 2

18 de agosto de 2014

Nanjing 2014Nenhum comentário em Olimpíadas da Juventude – Dia 2

Foi por muito pouco. Um dia depois de subir ao pódio com o revezamento 4×100 livre misto, Natalia de Luccas voltou à piscina para disputar a final di 100 costas. Em uma prova disputadíssima, ela ficou em quarto com 1’01”39, a apenas 14 centésimos do pódio e 17 centésimos do ouro! Foi sua melhor marca pessoal e as perspectivas para o 200 costas, sua melhor prova, são ótimas.

natalia

No 100 peito masculino, Anton Chupkov da Rússia venceu com 1’01”29, depois de bater o recorde mundial júnior na semifinal (1’00”86). Andreas Mickosz foi oitavo com 1’02”82.

No 200 livre masculino, venceu o italiano Nicolangelo di Fabio, 1’48”45, com destaque para seu parcial final de 26”95, ultrapassando o adversário holandês que liderava a prova. Luiz Altamir havia passado para a final com o terceiro tempo, 1’50”58, e na final foi sétimo, 1’50”51.

Além das finais dos brasileiros, destaque para duas performances femininas: Ruta Meilutyte no 50 peito (30”14), um segundo e meio a frente da segunda colocada; e a húngara Liliana Szilagyi no 200 borboleta. Ela fez 2’06”59, nada menos que o terceiro melhor tempo do mundo esse ano. Pelos relatos da Swimming World, a comemoração após a prova foi  uma das mais “exuberantes vistas recentemente” (veja foto que achamos no twitter).  Giovanna Diamante parou nas eliminatórias com 2’16”35, ficando em 15o, 1 segundo e meio acima de sua melhor marca pessoal.

Captura de Tela 2014-08-18 às 12.28.23

Teve empate na final do 100 costas masculino, com Evgeny Rylov e Simone Sabbioni nadando para 54”24. 

Mais uma vitória húngara em mais uma prova de tradição do país: Ben Gratz levou o 200 medley masculino, 2’01”08.  

A China ganhou mais um revezamento, dessa vez o 4×100 medley, com 4’03”58. Brasil não nadou.

Posts relacionados

0 comentários em "Olimpíadas da Juventude – Dia 2"

  1. Iole disse:

    Parabéns aos brasileiros!
    A pouca diferença da Natalia de Luccas (para a campeã) mostra a excelente fase desses novos atletas, por outro lado a diferença absurda da campeã do 200 borbo para nossa atleta diamante, mostra que muito trabalho tem que ser feito, são mais de dez segundos.
    Parabéns pela raça!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »