Brasil em 9 finais no segundo dia

15 de julho de 2015

Toronto 2015Nenhum comentário em Brasil em 9 finais no segundo dia

No segundo dia de eliminatórias tivemos 3 recordes pan-americanos e 9 classificações brasileiras para as finais, além do revezamento 4×200 livre masculino.

200 livre feminino 
Estamos ansiosas por essa final que terá a atual campeã olímpica Allison Schmitt (classificada em primeiro, com 1’58”58) e duas brasileiras com boas chances de pódio (as companheiras de treino Manuella Lyrio e Larissa Oliveira, que nadarão nas raias 3 e 5). Não será fácil: temos duas canadenses fortes e embaladas pelo apoio da torcida, uma americana, e a venezuelana Andreina Pinto, que ontem foi muito bem no 200 borboleta. A disputa será boa.

Tempo para entrar na final A: 2’01”85

Screen Shot 2015-07-15 at 11.18.43 AM

200 livre masculino
Prova forte, em que nadar para 1’49 não foi suficiente para entrar na final A (como comparação, em 2011, 1’50”09 foi o primeiro tempo das eliminatórias). Foram 6 nadadores para 1’48, entre eles João de Lucca (1’48”78), que passou em sexto para a final, seguido de Nicolas Oliveira (1’49”51). O primeiro tempo foi para o venezuelano Cristian Quintero, com 1’48”42. Outro adversário forte deve ser Federico Grabich, que ontem fez um ótimo tempo no 100 livre e tem no 200 sua melhor prova.

Tempo para final A: 1’49”59

Screen Shot 2015-07-15 at 11.56.31 AM

Foto: Satiro Sodré/SSPress

200 peito feminino
A canadense Kierra Smith bateu o recorde pan-americano com 2’25”41 e é a favorita para a final. A brasileira Pamela Alencar passou em oitavo, com 2’31”14. Também se classificou a conhecida dos brasileiros Julia Sebastian (2’29”00 – 7o tempo), que costuma nadar os brasileiros absolutos pela Unisanta, e Alia Atkinson, jamaicana campeã mundial de curta no 100 peito. Beatriz Travalon terminou em 11o com 2’32”73.

Screen Shot 2015-07-15 at 1.06.03 PM

Foto: Satiro Sodré, SSPress

Tempo para entrar na final A: 2’31”14. 

200 peito masculino 
Brasil estará completo na final, com Thiago Simon (2’12”05, 2o tempo) e Thiago Pereira (2’12”89, 5o tempo). Será a primeira prova individual de Thiago Pereira em busca de seu recorde de medalhas – ela já coleciona uma de ouro por ter nadado as eliminatórias do 4×100 livre ontem. Jorge Murillo, da Colômbia, passou em primeiro para a final, igualando o recorde pan-americano.

Tempo para entrar na final A: 2’14”20

Screen Shot 2015-07-15 at 12.00.20 PM

200 costas feminino 
O Canadá nadará nas raias 4 e 5, com Dominique Bouchard e Hillary Caldwell, seguidas das duas americanas. Joanna Maranhão nadou para sua melhor marca pessoal, 2’12”35, e tentará furar o domínio dos dois países, bom boas chances de conseguir. Luiza Padovam Vieira piorou seu tempo e terminou com o 13o tempo, 2’20”08.

Tempo para entrar na final A: 2’14”28

200 costas masculino 
O bicampeão pan-americano no 200 borbo Leo de Deus se classificou em quinto para a final da prova, com 2’00”80. O norte-americano Sean Lehane nadará na raia 4 depois de fazer sua melhor marca pessoal e superar o recorde pan-americano nas eliminatórias, com 1’57”11, melhorando antiga marca de Thiago Pereira. Brandonn Almeida terminou em 10o com 2’02”32.

Tempo para entrar na final A: 2’01”33

Screen Shot 2015-07-15 at 1.18.27 PM

Foto: Satiro Sodré/SSPress

Revezamento 4×200 livre
Brasil se classificou com o 3o melhor tempo, com Luiz Altamir (1’49”22), Henrique Rodrigues (1’49”93), Kaio Marcio (1’52”23) e Thiago Simon (1’58”54, se poupando para sua final do 200 peito depois de ver o Brasil com vaga garantida para a final do revezmanto). EUA e Canadá nadarão na raia 4 e 5.

 

 

 

 

 

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »