Alto nível no primeiro dia de Copa do Mundo de Dubai

6 de novembro de 2015

ResultadosNenhum comentário em Alto nível no primeiro dia de Copa do Mundo de Dubai

Começou hoje em Dubai a oitava e última etapa do circuito da Copa do Mundo 2015. Katinka Hosszu e Cameron van der Burgh tiveram boas atuações e confirmaram porque já são os vencedores do circuito mesmo antes do final da última etapa. Katinka ganhou quatro medalhas (dois ouros e duas pratas), enquanto Cameron venceu o esperado duelo com o recordista mundial Adam Peaty no 50 peito, nadando para um forte 26”77, contra 27”16 do britânico.

A melhor atuação do dia, no entanto, veio com Mitch Larkin, que segue perseguindo o recorde mundial do 100 costas. Dessa vez ele nadou para 52”11, superando seu próprio recorde australiano. A marca é nada menos que a terceira melhor de todos os tempos, empatado com Camille Lacourt. O recorde mundial é de Aaron Peirsol com 51”94, o único nadador a quebrar a barreira dos 52”.

Screen Shot 2015-11-06 at 6.06.24 PM

Outra ótima atuação veio de Alia Atkinson, que nadou para 1’05”93 no 100 peito, seu melhor tempo da vida e quarto melhor tempo deste ano.

 

Katinka não ficou apenas na quantidade, com direito até a melhora de tempo. Seu 1’55”41 no 200 livre é novo recorde húngaro e quinto melhor tempo do mundo em 2015. Federica Pellegrini foi segunda na prova com 1’57”42. Katinka ainda fez seu melhor tempo da vida no 50 costas (27”99, recorde húngaro) venceu o 200 medley com 2’08”61 e foi prata no 200 costas (2’07”13). Nas duas provas de costas, a vitória ficou com Emily Seebohm, com 27”56 e 2’06”94. Quem sabe o que vem por ai amanhã no 100..

Destacamos ainda a vitória de Viktor Bromer no 200 borboleta, vencendo Chad Le Clos (1’55”98 contra 1’56”03). Bromer faz parte dos cinco dinamarqueses que já estão confirmados nas Olimpíadas do Rio-2016. James Guy levou o 400 livre com 3’46”91,  Daniel Gyurta foi ouro no 200 peito com 2’10”42 e David Verraszto ganhou o 400 medley com 4’16”71 – os três nadadores subiram ao pódio no último Mundial. Boa disputa também no 100 livre masculino, com Jeremy Stravius (48”34) e Chad Le Clos (48”38).

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »