Segundo melhor tempo da história para Campbell; Horton também brilha no fundo

14 de abril de 2016

Resultados1 comentário em Segundo melhor tempo da história para Campbell; Horton também brilha no fundo

O último dia de seletiva australiana teve apenas duas finais individuais. Duas finais completamente opostas: 50 livre feminino e 1500 livre masculino.

Em ambas, os vencedores entraram para o Top 5 Melhores Nadadores de todos os tempos da prova.

Nos 50 livre feminino, Cate Campbell já havia nadado para o terceiro melhor tempo do da história ontem, com recorde australiano: 23”93. Hoje, melhorou mais quase 1 décimo, para fazer a segunda melhor marca de todos os tempos, ultrapassando a sueca Therese Alshammar com trajes. Sem trajes, Cate Campbell detém os três melhores tempos da história, sendo que o terceiro tempo está empatada com Fran Halsall.

1. – Britta Steffen – 23.73 (2009)
2 – Cate Campbell – 23.84 (2016)
3 – Therese Alshammar – 23.88 (2009)
4 – Cate Campbell – 23.93 (2016)
5 – Fran Halsall – 23.96 (2014)
5 – Marleen Veldhuis – 23.96 (2009)
5 – Cate Campbell – 23.96 (2014)
8 – Libby Trickett – 23.97 (2008)
9 – Sarah Sjostrom – 23.98 (2014)
10 – Cate Campbell – 23.99 (2009)
10 – Marleen Veldhuis – 23.99 (2009)

Bronte Campbell, em segundo, também fez um tempaço com 24”24 e se garante na prova para as Olimpíadas, junto com sua irmã.

Na prova de fundo, o destaque foi o jovem Mack Horton, que já havia carimbado o passaporte para sua primeira Olimpíada nos 400 livre, com melhor tempo do ano. Horton hoje fez o oitavo melhor tempo da história dos 1500 livre. Na frente dele, apenas Sun Yang, Grant Hackett e Ousama Mellouli (sendo que os tempos de Mellouli foram com traje), fazendo-o assim o quarto melhor nadador da história na prova. Seu tempo de 14’39”54 venceria o Mundial de Kazan.

1- Sun Yang, 14:31.02 (2012)
2- Sun Yang, 14:34.14 (2011)
3- Grant Hackett, 14.34.56 (2001)
4- Sun Yang, 14:35.43 (2010)
5- Ousama Mellouli, 14:37.28 (2009)
6- Ousama Mellouli, 14.38.01 (2009)
7- Grant Hackett, 14:38.02 (2008)
8- Mack Horton, 14:39.54 (2016)
9- Ryan Cochrane, 14:39.63 (2012)
10- Gregorio Paltrinieri, 14:39.67 (2015)

Fonte: Swim Swam

Veja aqui a cobertura completa da seletiva australiana.

Além das duas provas, ainda tivemos o revezamento australiano em uma tomada de tempo, para classificar-se para 0 4×100 livre masculino. Como os australianos não terminaram entre os 12 primeiros colocados no Mundial de Kazan, critério que classifica o país automaticamente, a Austrália acabou ficando para a “repescagem” em um revezamento tão tradicional.

Hoje, os australianos somaram 4’12”26, tempo que seria pódio em Kazan. E não tivemos as melhores performances de cada integrante:

James Roberts (48”63)a
Kyle Chalmers (48”24)
James Magnussen (48”17)
Cameron McEvoy (47”22)

Posts relacionados

Um comentário em "Segundo melhor tempo da história para Campbell; Horton também brilha no fundo"

  1. […] para cada prova fecha em 31 de maio, e a Austrália deve conseguir a classificação – em uma tomada de tempo no último dia de provas, Cameron McEvoy, Kylie Chalmers, James Magnussen e James Roberts nadaram para 4’12”26, […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »