Minha série mais marcante: Gabriel Ogawa

18 de julho de 2014

Minha série mais marcanteNenhum comentário em Minha série mais marcante: Gabriel Ogawa

Grande destaque desde as categorias de base, Gabriel Ogawa nada bem até cachorrinho se precisar. No Maria Lenk esse ano, conquistou sua primeira medalha em campeonatos absolutos em piscina longa, terminando em 3º nos 200 medley, atrás apenas dos dois Thiagos: Pereira e Simon. Já havia conquistado pódio no Open em piscina curta em 2012. Em 2011, disputou o Mundial Junior em Lima nas provas de 200 e 400 medley.

E é famoso por treinar bem. Por ser nadador de medley, faz séries que misturam os 4 estilos, o que exige muito condicionamento e versatilidade. E isso dá resultado também em provas como 200 costas, 200 borboleta, 400 livre…

Perguntei a Ogawa qual foi sua série mais marcante. Ele hesitou um pouco, afinal várias devem ter marcado. Começou a me falar de uma, mas “Ah, pera! Lembrei de uma agora bem pior!”. Foi agora em fevereiro, com o treinador André Ferreira (Amém). É essa aqui:

3×100 A2 com Paraquedas P, palmar e p. pato (50 borbo, 50 costas) a cada 1’50”
4×50 A3 com Paraquedas PP e palmar (peito) a cada 1’00”
1×100 Forte (crawl) a cada 3’00”
4×50 A3 com Paraquedas PP e palmar (peito) a cada 1’00”
4×50 Forte (crawl) a cada 50”
Agora o detalhe: QUATRO vezes a série!

“Os 4×50 forte mantive média de 27″ na longa, o de 100 forte mantive 53″ e os de 50 paraquedas, mantive 38″/39″. Foi tenso… as séries do Amém são muito tensas por causa do intervalo e dos paraquedas infinitos!”

Eu senti dor só de pensar que a série era uma vez só.. imagina 4.

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »