Para ficar de olho: Cassidy Bayer

Para ficar de olho: Cassidy Bayer

6 de janeiro de 2015

Para ficar de olho1 comentário em Para ficar de olho: Cassidy Bayer

Um daqueles incontestáveis prodígios americanos, Cassidy Bayer tem apenas 15 anos. Ano passado, mostrou seu nome ao vencer a final C dos 200 borboleta na seletiva americana para o Mundial de Barcelona, com um tempo que lhe daria a 10ª colocação: incríveis 2’11”44, com apenas 14 anos.

Nessa ocasião, Cassidy chamou atenção da campeã olímpica Dana Vollmer, que deu sua medalha de ouro dos 100 borbo para a jovem promessa, com os dizeres: “Keep Swimming!” – Continue Nadando. 

Ao final de 2013, estabeleceu um recorde histórico de categoria, que já durava 34 anos, o segundo mais antigo da natação americana. Foi também nos 200 borboleta, mas em piscina de jardas, onde estabeleceu 1’56”01, baixando mais de meio segundo o antigo recorde de 1979. E esse recorde só durou tanto tempo, pois tratava-se de outra prodígio, Mary Meagher, que 5 anos depois levou 3 ouros olímpicos em Los Angeles.

Assista à prova:

Esse ano, Cassidy nadou seu primeiro campeonato internacional, na Copa do Mundo de Tóquio, terminando os 200 borboleta em 5º com 2’06”77, atrás de nomes como Katinka Hosszu e Mireia Belmonte.

Com apenas 12 anos, ela já tinha 28”23 de 50 borboleta em piscina longa. Seu melhor tempo de longa nos 100 borbo é 59”75 e 2’09”08 de 200 borboleta feitos esse ano, tempo que lhe daria a vaga para o mundial em 2013.

Posts relacionados

Um comentário em "Para ficar de olho: Cassidy Bayer"

  1. Álvaro disse:

    O australiano Daniel Smith ainda pode ser considerado uma boa promessa?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »