australiabudapest2017-800x533

Seleção da Austrália definida para o Mundial

13 de abril de 2017

BlogNenhum comentário em Seleção da Austrália definida para o Mundial

Terminou ontem o Campeonato Australiano, que serviu de seletiva do país para o Mundial de Budapeste. Ao final da competição, foram anunciados 31 nomes que defenderão a natação da Austrália no Mundial, além de cinco nomes para as maratonas aquáticas.

A principal ausência é a de Cate Campbell, recordista mundial do 100 livre e campeã mundial em 2013. Uma das favoritas ao ouro da prova nas Olimpíadas do Rio, Cate bateu o recorde mundial do 10 0livre um mês antes das Olimpíadas, foi fundamental para o recorde mundial do 4×100 livre no primeiro dia do Rio, e bateu o recorde olímpico do 100 livre nas eliminatórias da prova. Na final, nadou mal e ficou fora do pódio em uma das maiores surpresas da Olimpíada. Desde então, Cate anunciou que continua nadando e treinando mas não representará o país em competições internacionais este ano.

Na seletiva, Cate fez 52”68 na eliminatória, segundo melhor tempo do mundo este ano, mas ficou em terceiro na final. Isso a classifica para o revezamento 4×100 livre, mas ela manteve o que tinha dito e não aparece na lista do Mundial.

Cate+Campbell+2017+Australian+Swimming+Championships+WnYkyjFU219l

Clique aqui para ver o resultado completo da competição

Dos 31 nomes na lista, 19 estiveram no Rio ano passado e 16 no Mundial de Kazan. Onze nomes são de estreantes em Mundiais de piscina longa, incluindo jovens talentos como Ariarne Titmus, de 16 anos, e veteranos como Holly Barratt, de 28.

Um dos destaques da seleção é Emily Seebohm, que defenderá seu título no 100 e 200 costas. Assim como Cate, ela não conseguiu repetir o desempenho do ciclo olímpico no Rio, e ficou sem medalhas nas duas provas individuais. Esse será o sexto Mundial de longa de Seebohm, que com isso ultrapassa nomes como Leisel Jones e Grant Hackett (5 Mundiais cada). O mais impressionante é que Seebohm tem apenas 24 anos.

emily-seebohm

Outro destaque é Cameron McEvoy, que sai da competição no topo do ranking mundial em duas provas: 50 livre (21”55) e 100 livre (47”91). Ele foi o único nadador esse ano a nadar abaixo de 48”. Kylie Chalmers, campeão olímpico do 100 livre, também estará na seleção – ele ficou em segundo no 100 livre, atrás de McEvoy, com 48”20. Mack Horton, campeão olímpico do 400 livre, também se classificou, em três provas: 200, 400 e 1500 livre.

8441434-3x2-700x467

 

Time completo:

 

Holly Barratt (WA)
Joshua Beaver (VIC)
Bronte, Campbell (QLD)
Jack Cartwright (QLD)
Daniel Cave (VIC)
Kyle Chalmers (SA)
Brittany Elmslie (QLD)
Alexander Graham (QLD)
Jessica Hansen,(VIC)
Mack Horton (VIC)
Zac Incerti (WA)
Grant Irvine (QLD)
Shayna Jack (QLD)
Mitchell Larkin (QLD)
Clyde Lewis (QLD)
Cameron McEvoy (QLD)
David McKeon (QLD)
Emma McKeon (QLD)
Kaylee McKeown (QLD)
Taylor McKeown (QLD)
Jack McLoughlin (QLD)
David Morgan (QLD)
Leah Neale (QLD)
Kotuku Ngawati (VIC)
James Roberts (QLD)
Emily Seebohm (QLD)
Brianna Throssell (WA)
Ariarne Titmus (QLD)
Louis Townsend (QLD)
Madison Wilson (QLD)
Matthew Wilson (NSW)

Maratonas aquáticas
Jack Brazier (QLD)
Chelsea Gubecka (QLD)
Kareena Lee (QLD)
Kiah Melverton (QLD)
Jack McLoughlin (QLD)

Head coach: Jacco Verhaeren
Mentor Coach: Glenn, Beringen
Open Water Head Coach: Ron McKeon:
Coaches: Peter Bishop (Marion), Michael Bohl (St Peters Western), Dean Boxall (St Peters Western), Simon Cusack (Commercial), Craig Jackson (Melbourne Vicentre)
Adam Kable (SOPAC), David Lush (Brisbane Grammar), Chris Mooney (USC Spartans), Chris Nesbitt (TSS Aquatics) Michael Sage (Kawana Waters), Scott Talbot (Nunawading).

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »